segunda-feira, 3 de março de 2008

Suflê de Baunilha e Cointreau


Ontem eu fiz uma sobremesa na qual estava pensando há muito tempo mas não sabia como seria a receita....Héin!? Como assim?
Eu queria fazer algo tipo um pudim, que tivesse um leve sabor de laranja. Mas não sabia como fazer.
Eis que lendo o volume 23 da Coleção A Grande Cozinha, da Abril, eu vi uma receita de "Suflê de Cream Cheese sobre Compota de Mirtilos", mas como o mercado já tinha fechado e eu não tinha cream cheese, nem creme de leite fresco, nem os mirtilos :/ fazer o quê, né?
Eu tive que mudar de receita.
Então resolvi fazer a receita de "Suflê de Sêmola ao Gengibre e Mirtilos" e pasmem, também não tinha a farinha de sêmola de grão duro, nem gengibre, e nem os mirtilos!?
Mas o que eu queria mesmo era aproveitar a receita base de suflê, para fazer um suflê doce. Também porque esses dias eu comprei uns potinhos de porcelana para suflê...
Não vou publicar a receita original aqui porque eu mudei algumas coisas: substituí a farinha de sêmola por farinha de trigo normal, adicionei bem mais açúcar (ainda bem, porque ficou bem pouco doce), usei 1 ovo a mais, não usei gengibre, achei que não ia ficar bom e também não tinha :D. E substituí o Licor Grand Marnier por Cointreu em maior quantidade (mas ficou fraquinho) e usei sementes de cardamomo para aromatizar o leite fervente.
(Cardamomo)

Vou postar a receita como eu fiz, porque a propósito ficou ótima, com um sabor bem delicado, mas marcante.
Perdoem a apresentação do prato e as fotos porque eu não sou profissional, nem em uma coisa nem em outra.
Eu tentei fazer uma casquinha de açúcar com o maçarico, mas levei uma surra e ele ganhou de 10x0, precisava carregar com gás, mas eu não sabia como fazer. :P
Da próxima vez vou pedir ao meu namorado para fazer isso para mim. :)

Então vamos à receita:

Suflê Doce Baunilha e Cointreau

Ingredientes:
4 ovos
50g de farinha de trigo
300ml de leite
20g de manteiga
100g de açúcar
casca de 1 limão ralada
30ml de Cointreau
1 fava de baunilha ou essência de baunilha (eu usei açúcar de baunilha e essência)
3 sementes de cardamomo

Coloque em uma panela 200ml de leite, a manteiga, 60g de açúcar, a baunilha, a casca de limão e as sementes de cardamomo levemente amassadas.
Deixe ferver por alguns minutos e retire o cardamomo e a baunilha com uma escumadeira.
Dissolva a farinha misturada com 100ml de leite mais um pouco de água até que fique lisinho. Adicione ao leite fervente. Mexa sempre até levantar fervura novamente.
Adicione as gemas e continue mexendo. Desligue o fogo após engrossar.
Se a farinha tiver formado bolotas passe este creme em uma peneira aproveitando o máximo.
Leve ao refrigerador para esfriar e após resfriado, adicione o Cointreau e a essência de baunilha.
Pré-aqueça o forno a 180°C.
Unte com manteiga forminhas de porcelana para suflê e polvilhe com açúcar.
Quando o creme estiver frio, bata as claras em neve e adicione o restante do açúcar (40g) formando um merengue.
Misture delicadamente adicionando o creme às claras em neve.
Distribua o creme nas forminhas e leve ao forno para assar em banho-maria num tabuleiro com dois dedos de água quente. Asse por 30min ou até que comece a dourar por cima.

(Saindo do Forno)

Rende aproximadamente 12 forminhas.
A receita original recomenda uma calda de mirtilos ao vinho, mas do jeito que fiz a receita, acho que esta calda não vai bem.
Sugiro que seja
servido puro, com uma casquinha de açúcar ou com uma calda de geléia de damascos.
Eu preferi comer puro, no máximo com a bendita casquinha de açúcar, porque o sabor é muito delicado e qualquer coisa mais forte se sobrepõe ao sabor da sobremesa.

Bom Apetite!

3 comentários:

Luciana Macêdo disse...

Adorei sua receita. Leve e não parece muito doce e o sabordo Contreau é tudo de bom.
Bjs!

willie disse...

ódio mortal à sua garrafa de cointreau!!!

mas parece bom...

Aline Berg disse...

Luciana: É muito leve mesmo.

Willie: ??? ...mas tudo bem! :)